Gigi Furtado


Para aqueles, que como eu, não estão nem um pouco contentes com a programação petista do XXII Festival Internacional de Música do Pará - que me levou até a ter saudades da nefasta época tucana no governo paraense - uma boa opção é ir ao restaurante Spazzio Verdi,na Braz de Aguiar, e ouvir a multi-funcional cantora paraense Gigi Furtado; que se bobar Hhbla hasta español. Eu ainda não fui, mas certamente aparecerei por lá. As apresentações iniciam às 20h00.

Comentários

  1. tambem adoraria estar em um dos shows da senhora Furtado!a admiro muito como potencial vocal e na flexibilidade que tem em lidar com os repertorios e estilos....mas realmente ,pensando bem ,do jeito que as coisas vao na area erudita em belem... fico feliz que ao menos ela esteja ativa !

    ResponderExcluir
  2. Agora que estou de volta do mestrado e depois de dois anos de ausênsia de Belém, ainda estou tomando real ciência da situação da música erudita em nossa terra paraense. Mas pelo pouquíssimo que vi, de fato, a coisa não está nada boa. Nunca pensei que sentiria saudade de um governo tucano, mas pelo menos o doido do Paulo Chaves liberou boas verbas para se realizar grandes edições do Festival Internacional durante a sua gestão na SECULT. Edilson Moura e Ana Júlia Carepa: um professor de história e uma gestora que não sabe ser administradora pública. Talvez um dia, aprendam a ser gestores públicos na área cultural. Mas temo que não viveremos para ver isto acontecer.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

ESSA NEGRA FULÔ: ANÁLISE

FORMA E ESTRUTURA NA ÓPERA: CENA III - ESTRUTURAÇÃO DE UMA ÓPERA

Mozart: Bastião e Bastiana em português e com sotaque paraense