Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2011

AUTO DO CÍRIO 2010

Imagem
Agora que o círio 2011 está chegando lembrei que não havia postado as imagens e vídeos que fiz do Auto do Círio 2010. Foi exatamente como os outros, ou seja, uma multidão acompanhando o cortejo profano com temática religiosa em homenagem a Virgem de Nazaré. E tudo acabou em samba.


















Vídeos:






EDITORIAL DE OUTUBRO

Quando fiz o mestrado na UFPR, entre outros temas, escolhi o Festival Internacional de Música de Câmera do Pará, hoje desprovido do termo de câmera dada a sua diversidade musical que abrange quase todos os gêneros musicais existentes.                 Nesse trabalho acadêmico pude estudar detidamente a evolução histórica do Festival Internacional de Música do Pará desde sua criação em 1988 com Glória Caputo na superintendência da Fundação Carlos Gomes, portanto, sua criadora oficial até o início da primeira superintendência de Paulo José Campos de Melo – responsável pelos anos de ouro do Festival. Embora tenha estudado e escrito somente sobre os dez primeiros anos dele, levantei material sobre as suas duas primeiras décadas de existência, e assim, pude ter uma noção geral e profunda de quase tudo o que foi feito no decorrer de sua história, considerando-se que vários documentos importantes como programas de concertos foram perdidos e notícias em jornais foram escasseando na segunda déca…

Mozart: Bastião e Bastiana em português e com sotaque paraense

Imagem
O soprano paraense Madalena Aliverti criou um novo grupo musical na capital paraense para agitar ainda mais a já bastante agitada vida musical de Santa Maria de Belém do Grão-Pará. Há alguns anos Madalena arregimentou um grupo de estudantes de canto lírico da capital (todas mulheres) e apresentou Suor Angelica de Puccini quase na íntegra em apresentações que se deram na Igreja de Santa Alexandre, hoje o Museu de Arte Sacra do Pará.       Desta vez Madalena; contando com a produção cultural de Verena Juliana; que conseguiu menos de R$ 5.000,00 de um único patrocinador, chamou alguns cantores, para juntos, montarem a ópera Bastien und Bastienne do salzburguês Mozart em versão livremente adaptada para a língua portuguesa, trazendo a encenação para a Amazônia e seus trajes típicos, além, é claro, da linguagem típica que só paraense entende, pois a montagem evidentemente foi pensada somente para o público paraense, já que os estrangeiros não conhecem a linguagem papa-xibé.      A monta…

STABAT MATER DE PERGOLESI NA CATEDRAL DE BELÉM

Imagem
O Stabat Mater de Pergolesi encheu com os seus sons a Catedral de Belém na noite de 26 de agosto de 2011 durante a realização do XXIV Festival Internacional de Música do Pará, que agora com o retorno de Simão Jatene para o Palácio dos /Despachos, Paulo Chaves para a SECULT e de Paulo José Campos de Melo para a Superintendência da Fundação Carlos Gomes deve voltar à sua tradicional grandeza perdida durante o governo petista de Ana Júlia Carepa e seus subaltenos inimigos da cultura. 
Informações do programa:

Dione Colares Mestre em performance vocal pela University of Missouri Columbia (EUA) e diplomada pelo Conservatório Carlos Gomes em Belém. Estudou com Marina Monarcha, Malina Míneva, Jo Ella Todd e Isabel Maresca. Dione possui intensa atividade artística, tendo participado como solista de várias edições do Festival Internacional de Música do Pará,
Festival de Ópera do Estado, Festival Cultural de Fort-de-France na Martinica e Encontro de Arte de Belém. Em 2005 realizou tu…

Duo Ayan - Caputo: Recital de arromba

O Duo formado pelos paraenses Atalla Ayan e Marília Caputo realizou mais um recital de arromba na Sala Augusto Meira Filho em Belém do Pará.


INFORMAÇÕES DO PROGRAMA:


ATALLA AYAN - Tenor
Natural de Belém do Pará, Atalla iniciou seus estudos em 2002 no Conservatório Carlos Gomes, sob orientação da Professora Malina Minev.
Em 2006, obteve o 2° lugar no x Concurso Nacional Maracanto. Em 2007 venceu o 1º prêmio de Júri e de Público, arrebatando ainda os prêmios "Irmãos Nobre" e "A mais Bela Voz", no I Concurso Internacional de Canto Helena Coelho Cardoso em Belém. Logo após, estreou no Theatro da Paz como Don Alvaro em Il Guarany, de Carlos Gomes e como Rinnucio em Gianni Schicchi, de Puccini.
Participou também como solista do Stabat Mater, de Rossini. Em novembro do mesmo ano ganhou o 1° lugar no Concurso Internacional "Premio Ciudad de Trujillo", no Peru. Foi um dos vencedores do Concurso Internacional de Canto "Lícia Albanese" em NY- EUA, em…

RECITAL DE PIANO: JIANG XIAYI

Imagem
Uma das coisas que a série Concertos para Belém sempre primou é o princípio de apresentar alguns dos melhores músicos eruditos da nova geração provenientes de vários países, gente que ainda está em início de carreira, mas que já tem um diferencial importante: a grande maioria são vencedores de vários primeiros prêmios em concursos de música pelo planeta. Com esta prática a Musikart Produções, com o patrocínio da Vale e apoio do Ministerio da Cultura brasileiro há anos vem enriquecendo as temporadas de concerto na capital paraense fazendo da nossa cidade uma das mais musicais, senão a mais musical da Amazônia brasileira. Com um profissionalismo ímpar e uma organização impecável, os Concertos para Belém; que já está na sua terceira série, proporciona para a população belenense música de altíssimo nível, com músicos jovens e ainda desconhecidos do grande público de concertos e cujo alguns ainda nem sequer foram descobertos pelas grandes gravadoras do gênero erudito no nosso planeta: Deu…

ARNALDO COHEN: RECITAL EM BELÉM DO PARÁ 2011

Imagem
O pianista brasileiro Arnaldo Cohen: certamente um dos maiores pianistas do planeta da atualidade, após longos anos voltou a capital paraense para um recital extraordinário na Sala Augusto Meira Filho. Dessa vez o exímio pianista tocou dentro da série Concertos para Belém III, sempre com a realização da MUsikart Produção, patrocínio da Vale e do MINC.            Nem é preciso escrever que o recital atendeu todas as expectativas daqueles que já conhecem a arte de Arnaldo Cohen, sua habilidade técnica e sua leitura musical refinada e cheia de garbo, ou seja, o recital foi perfeito do início ao fim, com dois ou três bis; não lembro bem.            A pedido do pianista sua apresentação não pode ser gravada.
         INFORMAÇÕES DO PROGRAMA
ARNALDO COHEN - Piano Após uma apresentação de Arnaldo Cohen em Nova lorque, Shirley Fleming, crítica do jornal The New York Post, assinalou: "a performance do pianista brasileiro foi tão prodigiosamente poderosa que alguns chegaram a desejar, de vez e…